meta name="robots" content="noindex" /> Contraculturalmente: LITERATURA DE CULTO 5: THE STORY OF FERDINAND



LITERATURA DE CULTO 5: THE STORY OF FERDINAND

Era uma vez um touro chamado Fernando, que vivia em Espanha. Todos os pequenos touros com quem Fernando vivia corriam e saltavam e batiam com a cabeça uns nos outros, mas não o Fernando. Ele preferia sentar-se calmamente e cheirar as flores.



The Story of Ferdinand é um conto infantil, escrito por Munro Leaf e magistralmente ilustrado por Robert Lawson. Através de um vocabulário simplista, Leaf conta a estória de Ferdinand, um touro pacifista que nunca se envolve em lutas e disputas de território próprias da espécie, preferindo sentar-se de baixo de um carvalho e cheirar flores durante todo o dia. Uma reviravolta no conto e Ferdinand dá por si a caminho de Madrid, para lutar numa praça de touros. Mas aí, algo inesperado acontece...

The Story of Ferdinand, apesar de parecer simplista à primeira vista, é uma grande lição de pacifismo e presença de espírito. Lá porque os touros são famosos por serem criaturas ferozes e violentas, não quer dizer que TODOS os touros sejam assim...

Por incrível que pareça, este livro, escrito em 1936, foi banido de inúmeros países de extrema-direita durante a segunda guerra mundial, como a Alemanha e Portugal. Entretanto, veio a revolução dos cravos, mas a obra nunca chegou ao nosso território até hoje. Assim sendo, para ler este clássico na íntegra, visitem este site.

Etiquetas: , , ,

« Home | Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »

outubro 07, 2005
Anonymous Didi relatou...

E que tal os scripts?
http://orangecow.org/pythonet/sketches/index.htm#G

Os meus preferidos sao os episodios de Golden Age of Ballooning, e uma das minha frases preferidas...

"There is also a book called 'The Golden Age of Ballooning' published by the BBC to coincide with the series. It's in an attractive hand-tooled binding, is priced £5 and failure to buy it will make you liable to a £50 fine or three months' imprisonment."    



» Enviar um comentário